Sopro Cia de Dança

 

 

 

 

 

 Alexandre Cerrano

Iniciou seus estudos em dança, Balé Clássico, 1° e 2° Ano (Royal Academy Of Dance), Dança Contemporânea, Jazz, Sapateado e Pilates, em 2014 no Studio de Dança Angels dirigido por Cinthia Balbino Ortega, permanecendo até meados do ano de 2018.

Em 2017 Inciou seu estudo profissionalizante em Artes Cênicas, com o diretor Cleiton Pinto, formado pela Macunaíma e Célia Helena. Realizou trabalhos como, intervenções nas ruas com as obras “Estátuas”, “Estatutos do Homem” de Thiago Mello. Permanecendo até o ano de 2018.

Em 2017 ingressou como bailarino, professor e coreógrafo, na Templos Cia de Dança, dirigida por Angra Custódio. Realizou trabalhos em prol da Arte, Cultura, Cidades e Sociabilidade, circulando as obras ” O Corpo”, “Âmago” e “Plano da Alegria” por todo território nacional, entre eles (RJ/BA/SP/MG). Estudou, Balé Clássico (Vaganova) e Dança Contemporânea, dirigida por Angra Custódio. Permanecendo até meados do ano de 2019.

Inciou em 2018 na Sopro Escola de Danças o estudo de Balé Clássico (Vaganova), dirigida por Tatiana Portella e Roberto Amorim e Dança Contemporânea (JORAM) com os Autores da Técnica, diretores e fundadores Roberto Amorim e Tatiana Portela. Participou da montagem “O Quebra-Nozes” em 2020 e em 2021 no Teatro J.Safra das obras “sE nÃo É aMoR” e “O Grito” pela Sopro Cia de Dança.

Desde 2020 compõe o elenco do Grupo Jovem Sopro. Atualmente segue seus estudos no Balé Clássico e Dança Contemporânea (JORAM).

 

Isabela Rabadan

Iniciou seus estudos de ballet em 2006, com 3 anos de idade. Em 2016 ingressou na Sopro Escola de Danças, onde dança até os dias atuais nas modalidades ballet clássico e técnica JORAM. Participou de remontagens como Dom Quixote, Bela Adormecida e O Quebra Nozes. Atualmente faz parte do elenco Grupo Jovem Sopro e se encontra no seu último ano de formação do ballet clássico. Sob a direção de Roberto Amorim e Tatiana Portella.

 

Larissa Rie

Bailarina integrante do Grupo Jovem Sopro, teve seu primeiro contato com a dança na infância com um estilo pertencente à cultura japonesa, o yosakoi. Em meados de 2015 introduziu o estilo de danças urbanas em seu repertório, realizando diversos eventos acadêmicos. Em 2017 teve seu primeiro contato com dança contemporânea na escola Lume Casa Cultural, e em 2018 iniciou estudos de balé clássico e jazz na Sopro Escola de Dança na qual iniciou a técnica Joram e ingressou no Grupo Jovem Sopro.

 

Livia Ribeiro

Bailarina formada em dança pela ETEC de Artes (DRT 0053651/SP) e graduanda em Educação Física e Saúde na U niversidade de São Paulo (USP). Iniciou seus estudos em dança (balé clássico, jazz e dança do ventre) em 2014 no Expressões Studio, dirigido por Raissa Helena, onde foi agraciada com uma bolsa de estudos. Em 2018 conheceu a Sopro Escola de Danças, onde passou a frequentar aulas de balé clássico e metodologia JORAM, Pelos autores Tatiana Portella e Roberto Amorim, participou das montagens de “A Bela Adormecida” em 2019 e “O Quebra-Nozes” em 2020. Desde de 2019 compõe o elenco do Grupo Jovem Sopro. Atualmente está no último ano de formação em balé clássico, segue seus estudos em JORAM e dança do ventre. Ministra aulas em ambas modalidades.

 

Maria Fernanda Mazeto de Almeida

Bailarina, Início da dança em 2007, aulas de ballet com Eleusa Lorenzoni até 2011, formada em 2017 pela Sopro Escola de Danças por Roberto Amorim e Tatiana Portella , 5 anos de jazz na Sopro Escola de Danças – Participante do Grupo Jovem Sopro, contemporâneo, desde 2017 com direção de Roberto Amorim e Tatiana Portella.

 

Thayná Ciasca

Bailarina integrante do elenco Grupo Jovem Sopro,  iniciou os seus estudos com a técnica JORAM desenvolvida por Roberto Amorim e Tatiana Portella, lecionada por Gustavo Vaz. Participou de oficinas de dança contemporânea e apresentações como: Dança sem fronteiras por Fernanda Amaral, Fluxo em Redes por Ayumi Hanada e “Contágio” com o espetáculo virtual “Dança na Cápsula do Tempo” por Anelise Mayumi. Atualmente continua com os estudos na técnica JORAM ministrada por Roberto Amorim.

 

Vitor Marvulle 

Em 2019 passa a integrar como bailarino profissional na Sopro Escola de Dança, Grupo Jovem Sopro e Sopro Companhia de Dança. Professor Sopro Escola de Danças na turma de dança contemporânea JORAM para iniciantes e Jazz. Iniciou sua carreira artística em Macapá na escola Agesandro Rêgo Escola de Dança, onde teve contato com Balé clássico, contemporâneo, jazz e suas vertentes, danças urbanas e dança de salão, foi convidado a participar da Companhia Jovem Agesandro Rêgo e a ministrar aulas na escola de dança. Seus Professores: Agesandro Rêgo, Jesse Cruz, Filipi Escudine, além de cursos complementares com Cícero Gomes, do Rio de Janeiro, Luís Augusto Ribeiro da cidade de São Paulo, Ian Mickiewicz da cidade de Curitiba. Francisco Ribeiro da cidade de São Paulo, Eliane Fetzer, Julia Meireles, Erick Gutierrez, se especializando na área do jazz lyrical. Danças urbanas estudou com os profissionais, Ds Fuel – SP, Juliana Kis – Paris, Vini Azevedo – BR.