Amar É… (2003)
  • Apresentação
  • Equipe Técnica
  • Fotos
  • Video

Um sentimento tão grande que não procura os seus próprios interesses,não se exaspera,não se ressente do mal. É preciso crescer por dentro para que ele possa entrar. É o único lugar onde o medo não pode morar. É um lago tão quieto, que confusão alguma consegue perturbar. É uma chama de fogo tão grande que até a dor pode transformar. Só o amor lança fora o medo, a confusão e a dor. Ele tudo espera e tudo suporta. Ouse amar e amar, pois

AMAR É…
Sob uma movimentação técnica, utilizando a dança contemporânea, mesclando nos limites da dança, teatro e poesia, formando um híbrido na arte, que é a característica básica dos alicerces da miscigenação da cultura brasileira.

Direção geral: Roberto Amorim e Tatiana Portella
Coreógrafo e concepção da obra: Roberto Amorim
Assistente de coreografia: Tatiana Portella
Música: Trilha Original /Amandú Costa
Texto: Achileu Nogueira
Música: Figurino: Anelisa Cavamura
Dança contemporânea: Roberto Amorim
Operadores e técnicos de som e luz: Tom Conceição
Desenho de luz: Roberto Amorim
Assistente de palco e apoio: Wanderlei Oliveira, Roberto Portella
Secretária: Alcidina Portella, Sônia Alves
Agente Cultural e produtora: Angra Custodio
Fotos: Solange Avelino
Duração: 45min.  Classificação: Livre